quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Projeto Vida Literária distribui livros gratuitamente e conscientiza jovens sobre a importância da leitura em São Paulo

Foto: JulienPereira/Vida Literária
O Projeto Vida Literária realmente vem transformando vidas. Nossa, eu não tenho palavras para descrever o que sinto. Como eu fico feliz em saber que ainda existam pessoas boas nesse mundo, remando contra a maré de marasmos e buscando fazer o diferente em prol da cultura, do conhecimento em benefício dos outros.

Conheci esse trabalho através do LinkedIn e entrei em contato com um dos seus idealizadores. A iniciativa é voluntária e é coordenada pelos jornalistas e escritores Anderson Fernandes e Débora Kaoru contendo palestras sobre a importância da leitura e a distribuição gratuita de livros.

O projeto já passou por unidades de ensino das cidades de Mogi das Cruzes, Suzano, Itaquaquecetuba e Poá e já contemplou aproximadamente 2.200 estudantes com 2.750 livros. “Acreditamos que estamos alcançando nosso objetivo, que é facilitar o acesso ao livro e à leitura. Nossa estrutura ainda é limitada, mas o projeto é feito com muita responsabilidade e isso contagia outras pessoas, por isso tem dado certo”, comentou Fernandes.


No mês que é celebrado nacionalmente o Dia das Crianças e o Dia da Leitura, também será comemorada a criação do projeto, que completa um ano. No sábado (7), uma grande ação já está programada com o objetivo de “festejar”.
Serão realizados trabalhos em Suzano e Poá com distribuição gratuita de aproximadamente 400 exemplares entre livros e gibis.

História

No início de 2016, os jornalistas Anderson Fernandes e Débora Kaoru escreveram e lançaram o livro infanto-juvenil Nocaute, com o objetivo de distribuí-lo gratuitamente em dez escolas públicas. Porém, em contato com empresários e editoras, viram como seria difícil levar a iniciativa adiante, já que de 50 pessoas que conversaram, nenhuma aceitou financiar o projeto.

Posteriormente, em outra tentativa de avançar com a iniciativa, lançaram uma campanha de crowdfunding, mas também não tiveram sucesso com a mesma. Então para não deixar a ideia morrer, começaram a pedir obras literárias de diferentes autores para amigos jornalistas e escritores, para tentar contemplar pelo menos uma escola com a doação de livros.

No entanto, em conversa com um professor da Rede Estadual de Ensino, eles identificaram que em algumas escolas poucos eram os alunos que tinham acesso à sala de leitura e muitos livros eram até jogados no lixo com frequência.

A partir desta informação chegaram a conclusão que deveriam formatar um projeto em que as obras literárias arrecadadas chegassem realmente às mãos dos estudantes e o principal, eles deveriam entender a importância da leitura para formação cultural e educacional, para assim não se desfazerem dos livros.
 
Foto: JulienPereira/Vida Literária
Começaram o projeto em outubro de 2016, com estudantes da EJA (Educação de Jovens e Adultos). Depois, passaram a receber muitos pedidos de professores de escolas com Ensino Médio. Em cada unidade de ensino, além da distribuição de livros, é ministrada uma palestra sobre a importância da leitura e do livro.

Desde o início do Vida Literária, o projeto já recebeu muitas doações. A maioria são pessoas que querem liberar espaço em casa, então nem sempre as obras chegam em boa qualidade. No entanto, também chega muita coisa legal, espetacular. A equipe do projeto olha livro por livro, separam cada um. Os que servem para o projeto seguem para os estudantes. Os que não servem, são trocados em sebos.

Acreditamos que a leitura como direito de todos evita o aprofundamento de divisões sociais, educacionais, culturais. Desta maneira, realizando um trabalho de incentivo à leitura em escolas, oferecemos mais que um instrumento de dignificação do aluno, realizamos um grande ato de valorização e aperfeiçoamento do ser humano.

Resumo do Projeto

O projeto Vida Literária tem o objetivo de ampliar o acesso da comunidade à informação, à leitura e ao livro. A ideia é realizar palestras sobre literatura para jovens e distribuir, gratuitamente, livros e gibis de diferentes autores para estudantes de escolas públicas.

Objetivos

Melhorar a auto estima dos atendidos e por meio do projeto, oferecer a oportunidade de conhecerem o “gosto pela leitura”, sem contar a bagagem educacional e cultural que receberão durante a atividade. Os estudantes também poderão posteriormente se tornar referências e incentivadores que outros jovens passem a ter o hábito da leitura.


Coordenação

O projeto será coordenado pelos jornalistas Anderson Fernandes e Débora Kaoru.

ANDERSON FERNANDES

O jornalista Anderson Fernandes têm 32 anos. É graduado em Comunicação Social – Jornalismo e têm especialização em Comunicação Estratégica pela Universidade Braz Cubas (UBC). Anderson tem passagens pelos jornais Diário de Suzano, Diário do Alto Tietê, Folha Metropolitana de Guarulhos, nas funções de repórter e editor e também realizou trabalhos na ASBS, Top Clip, AV Agência de Comunicação, Prefeitura de Suzano e Prefeitura de Poá. 

É criador dos portais de notícia AT11 e Política na Hora e ganhador, em 2011, do prêmio Top Blog, categoria Jornalismo, com o Blog do Fernandes. É coautor do livro Entre Quatro Poderes e Nocaute.

DÉBORA KAORU

A jornalista Débora Kaoru tem 29 anos. É graduada em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade Braz Cubas (UBC). Trabalhou como repórter no jornal A Tribuna Suzanense, Rádio Metropolitana e também com Assessoria de Imprensa Política. É coautora do livro Entre Quatro Poderes e Nocaute.

Serviço

Mais informações sobre a iniciativa podem ser consultadas aqui: www.vidaliteraria.com.br e www.facebook.com.br/projetovidaliteraria.
Todos os livros utilizados no projeto foram enviados pelos voluntários do Vida Literária e por pessoas de diversas regiões de São Paulo, após uma campanha de arrecadação feita pela Internet. Para contribuir com a iniciativa é fácil!


Só enviar um e-mail para jornalistafernandes@gmail.com, que será combinado como o livro chegará ao projeto. Quem precisar de mais informações pode consultar os endereços: www.facebook.com.br/projetovidaliteraria e www.vidaliteraria.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário